Caminho de Santiago de Compostela de bike

Quer fazer o Caminho? Nós ajudamo-lo
A Pilgrim Travel SL vai utilizar os seus dados apenas para atender sua solicitação. Os seus dados não vão ser partilhados. Para exercer os seus direitos consulte a política de privacidade

O Caminho de Santiago é sem dúvida uma das rotas de peregrinação mais importantes do mundo, comparável apenas a Roma e Jerusalém. Desde o século IX que os fiéis vão a Santiago de Compostela para visitar os restos atribuídos ao apóstolo Santiago o Grande, e hoje em dia continua a atrair viajantes de todas as nacionalidades.

Para te registares como peregrino a primeira coisa que precisas de obter é a Credencial do Peregrino, o documento que te credencia como peregrino e onde podes recolher os selos dos albergues e igrejas que irás encontrar no teu caminho. É básico poder ficar num albergue público, podes consegui-lo em fraternidades e associações de peregrinos, igrejas ou albergues, e idealmente podes consegui-lo antes de começares a tua marcha. Além disso, será essencial obter outro documento de importância vital para os peregrinos à chegada a Santiago: o Compostela.

O Compostela é o documento que certifica que fizeste a peregrinação a Santiago de Compostela e para o conseguires deves ter percorrido pelo menos 100 km a pé, ou 200 se fores de bicicleta ou a cavalo. Por outras palavras, se fizeres o Caminho Francês de bicicleta tens de começar pelo menos por Ponferrada (León) para o obteres.

A melhor época do ano para fazer o Caminho

Podes fazer o Caminho de Santiago durante todo o ano, mas há alturas do ano que são mais confortáveis do que outras, especialmente se fores de bicicleta. É melhor fazê-lo entre os meses de maio e setembro, ambos incluídos, e se possível tenta evitar os meses de julho e agosto, uma vez que as suas altas temperaturas podem fazer-te perder o seu tempo.
Fora destas datas a chuva será mais predominante, molhar-se é sempre desconfortável, mas muito mais desconfortável é molhar as estradas. A lama pode ser abundante em muitos trechos e tornar impossível pedalar sobre eles, forçando-te a procurar uma alternativa menos bonita e mais aborrecida.
A bicicleta, a tua preparação e a tua bagagem

Que tipo de bicicleta é ideal

Pode ser uma questão de gosto, mas não em termos de motas, mas em termos de como gostarias de fazer o Caminho. Se não queres ter de procurar alternativas no asfalto, é melhor usar uma bicicleta de montanha, pelo menos com suspensão frontal, para lidar melhor com as estradas de terra. As bicicletas mistas podem ser boas, mas dependendo de quão duro o terreno é, podem ser um pouco curtas em algumas secções.

Bicicletas eléctricas

Uma bicicleta eléctrica abre a possibilidade de pedalar o Caminho de Santiago a um público muito mais vasto. Se a tua preparação não for boa, e fores com um grupo que esteja em forma, pode ser a solução para te juntares a eles. Tem em mente que pode pesar cerca de 10 kg a mais do que uma bicicleta convencional, mas a assistência do seu motor pode ser de grande ajuda. Todos fazem o Caminho como querem, ou como podem, e o importante é poder desfrutar dele. Se uma bicicleta eléctrica te dá a possibilidade de não a teres de outra forma, talvez seja algo que te possa interessar.

O que trazer e como o trazer

É sempre aconselhável levar a menor bagagem possível, duas ou três trocas de roupa devem ser suficientes, mas tem em conta que precisarás de incluir roupas específicas para pedalar e roupas que te deixem confortável quando terminares cada etapa, assim como um saco de dormir. A boa notícia é que a bicicleta pode ser equipada com alforges laterais e um cesto traseiro, deixando as tuas costas livres de peso. No entanto, não sejas demasiado confiante e tenta não exceder 10 ou 12 quilos de bagagem.

A "bagagem" da bicicleta

Não te esqueças que a bicicleta também tem a sua própria bagagem. Ou seja, um kit de reparação de furos, ferramentas básicas, tubos interiores de substituição, bomba de inflação, lubrificantes... Se não tens muita ideia, também é uma boa ideia fazer um curso de mecânica básica de bicicletas antes de começares a viajar com ela, nunca se sabe quando é que ela te pode tirar de um encravamento.

Não te esqueças de treinar de antemão

E para teu próprio prazer e segurança no Caminho, se não estiveres habituado a andar de bicicleta, é aconselhável passar alguns meses a treinar e a ficar em forma. Assim que tiveres um certo nível de fitness, inclui no teu treino o peso da tua bagagem para corresponder às condições reais do Caminho.

Dicas e detalhes para ter em mente

Há algumas considerações a ter em conta se vais fazer o Caminho de bicicleta, especialmente se já o fizeste a pé e já tens uma ideia na tua cabeça.

Melhor em companhia do que sozinho

É melhor fazê-lo em companhia, se não em grupo, pelo menos com outra pessoa. Tanto pela segurança como pela praticidade. Se tiveres um percalço, haverá alguém para te ajudar, quer se trate de um problema físico ou mecânico, e também para cuidar das bicicletas quando fores visitar, entrar numa igreja, num mercado ou pedir alojamento.

Horário de abertura do Albergue

Isto é algo que deves ter em mente para evitar mal-entendidos. Nos albergues públicos até às 20:00h os peregrinos a pé têm sempre preferência sobre os ciclistas. A razão é simples: se não houver camas suficientes, o ciclista terá mais facilidade em mudar-se para outro lugar. Por via das dúvidas, leva uma lista com os números de telefone dos albergues privados na tua rota.

Respeito pelos peregrinos a pé

Um peregrino a pé tem sempre preferência em relação a um ciclista no Caminho. Numa subida íngreme podes sempre descer e empurrar a bicicleta, mas numa descida a bicicleta irá sozinha, enquanto o andarilho continuará a carregar o peso da sua mochila. Modera a tua velocidade e passa com muita cautela, lembra-te que estás numa peregrinação, numa viagem, e que não fazes desporto.

As estradas e as suas etapas

Como já deves saber, não existe apenas um Caminho de Santiago, mas um número infinito de Caminhos de Santiago. E quando procuramos a melhor opção temos também de ter em conta que vamos de bicicleta. Por exemplo, o Caminho Francês ou a Via de la Plata são mais planos que o Caminho do Norte ou o Caminho Português, mas também podem ser mais quentes a meio do Verão.
No Caminho defines o ritmo, o número de quilómetros por dia e o número de dias de bicicleta, mas a forma mais comum de pedalar é entre 60 e 80 km por dia, cobrindo 11 a 13 km por hora. Mas toma isto apenas como uma directriz. Tem também em conta que nem sempre é possível seguir a rota original, por isso em algumas secções poderás encontrar pequenos desvios ao longo de rotas alternativas.
Para te dar uma ideia, aqui está uma repartição das rotas mais populares por etapas. E não te preocupes, aqueles que vês com poucos quilómetros são os mais difíceis:

O Caminho Francês

- Etapa 1 - Saint Jean Pied de Port - Roncesvalles - 24 km
- Etapa 2 - Roncesvalles - Pamplona - 42 km
- Etapa 3 - Pamplona - Estella - 42 km
- Etapa 4 - Estella - Logroño - 50 km
- Etapa 5 - Logroño - Santo Domingo de la Calzada - 49 km
- Etapa 6 - Santo Domingo de la Calzada - Burgos - 72 km
- Etapa 7 - Burgos - Carrión de los Condes - 87 km
- Etapa 8 - Carrión de los Condes - León - 89 km
- Etapa 9 - León - Astorga - 49 km
- Etapa 10 - Astorga - Ponferrada - 53 km
- Etapa 11 - Ponferrada - O Cebreiro - 55 km
- Etapa 12 - O Cebreiro - Portomarín - 62 km
- Etapa 13 - Portomarín - Arzúa - 54 km
- Etapa 14 - Arzúa - Santiago de Compostela - 39 km

A Via Norte

- Etapa 1 - Irún - Zarautz - 47 km
- Etapa 2 - Zarautz - Markina - 46 km
- Etapa 3 - Markina - Bilbao - 57 km
- Etapa 4 - Bilbao - Castro Urdiales - 54 km
- Etapa 5 - Castro Urdiales - Noja - 41 km
- Etapa 6 - Noja - Santander - 31 km
- Etapa 7 - Santander - Santillana del Mar - 37 km
- Etapa 8 - Santillana del Mar - Colombres - 51 km
- Etapa 9 - Colombres - Ribadesella - 55 km
- Etapa 10 - Ribadesella - Villaviciosa - 38 km
- Etapa 11 - Villaviciosa - Avilés - 55 km
- Etapa 12 - Avilés - Soto de Luiña - 39 km
- Etapa 13 - Soto de Luiña - Luarca - 39 km
- Etapa 14 - Luarca - Ribadeo - 50 km
- Etapa 15 - Ribadeo - Abadín - 52 km
- Etapa 16 - Abadín - Baamonde - 39 km
- Etapa 17 - Baamonde - Arzúa - 63 km
- Etapa 18 - Arzúa - Santiago de Compostela - 39 km

Caminho da Prata 

- Etapa 1 - Sevilha - Castilblanco de los Arroyos - 39 km
- Etapa 2 - Castilblanco de los Arroyos - Monesterio - 63 km
- Etapa 3 - Monesterio - Zafra - 45 km
- Etapa 4 - Zafra - Mérida - 65 km
- Etapa 5 - Mérida - Valdesalor - 61 km
- Etapa 6 - Valdesalor - Cañaveral - 55 km
- Etapa 7 - Cañaveral - Cáparra - 57 km
- Etapa 8 - Cáparra - Fuenterroble de Salvatierra - 60 km
- Etapa 9 - Fuenterroble de Salvatierra - Salamanca - 51 km
- Etapa 10 - Salamanca - Zamora - 66 km
- Etapa 11 - Zamora - Santa Croya de Tera - 87 km
- Etapa 12 - Santa Croya de Tera - Puebla de Sanabria - 67 km
- Etapa 13 - Puebla de Sanabria - A Gudiña - 53 km
- Etapa 14 - A Gudiña - Xunqueira de Ambía - 66 km
- Etapa 15 - Xunqueira de Ambía - Castro Dozón - 64 km
- Etapa 16 - Castro Dozón - Santiago de Compostela - 66 km

Conheça as rotas do Caminho de Santiago

Quer planejar conosco seu Caminho?

Deixe seus dados e nós iremos contactá-lo

Deixe seus dados e nós iremos responder muito brevemente
INFORMAÇÃO SEM QUALQUER COMPROMISSO
A Pilgrim Travel SL vai utilizar os seus dados apenas para atender sua solicitação. Os seus dados não vão ser partilhados. Para exercer os seus direitos consulte a política de privacidade

Organizamos sua viagem pelo Caminho Francês

Terá tudo pronto para trilhar o caminho

Alojamento

Organizamos sua estadia e reservamos os melhores albergues para todas as etapas do Caminho Francês. Você apenas tem que escolher o tipo de alojamento: hotel, alojamento local, albergue, etc. Nós gerimos as reservas e você economiza.

Contacte-nos

Transporte

Oferecemos-lhe passagens do seu aeroporto e transporte até seu primeiro alojamento. Transportamos sua bagagem a cada etapa para que esteja sempre disponível para você no albergue a cada noite.

Contacte-nos

Pacotes

Nós lhe ofrerecemos várias experiências no Caminho Francês altamente recompensantes: viagens em grupo, de bicicleta ou a partir de lugares mais próximos de Santiago de Compostela. Infinidade de experiências em que poderá conhecer mais sobre sua própria essência.

Contacte-nos

Personalizado

Se quer planejar sua viagem no mínimo detalhe, confira nosso planificador do Caminho de Santiago Francês. Poderá escolher o que fazer a cada dia de caminhada, onde durmir e onde comer no Caminho.

Contacte-nos

Quem somos?

Somos uma agência que organiza o Caminho de Santiago, também a partir do Brasil. 

Viaje conosco com tudo confirmado e em segurança e economize.

Oferecemos-lhe tudo o que vai precisar para que o percurso seja perfeito.

Confira passagens a partir do Brasil ou da Europa

Damos-lhe dicas sobre etapas e itinerários 

Fazemos suas reservas de alojamento

Assistência 24 horas por dia

Transportamos sua bagagem a cada dia